segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Austeridade milionária


A ler: Rosière, René, L'Argent de l'Etat: Un député mène l'enquête, Seuil, Fevereiro de 2012. Ver breve recensão no DailyMail, de 6-2-2012, sobre o livro que relata o fausto da presidência Sarkozy. Se a moda aqui pega, ainda um deputado faz um livro sobre as despesas milionárias da corte socratina...

6 comentários:

Eduardo F. disse...

Il est, après tout, l'empereur des Français!

Ainda me recordo bem dos monogramas de Giscard no enxoval do Eliseu.

Anónimo disse...

Uma pergunta dirigida aos visitantes: não acham que se o despacho de arquivamento da licenciatura do Sócrates fosse favorável à tese do Dr ABC não o tinha já publicado com as costumeiras análises parciais?
Eu dou a minha resposta: obviamente.

Anónimo disse...

o sócrates é uma besta imunda e podem "arquivar" tudo o q existe a incrimina-lo que isso não mudará a imagem q a maioria das pessoas tem dele.
mas não te preocupes anonimo defensor, te-lo-as como próximo presidente da república eleito por 2.500.000 de votantes que os outros sete e meio estao-se nas tintas.

Anónimo disse...

O Socas vem aqui por comentários quando acaba o passeio de bicicleta e espera que chegue o fulano que lhe anda a escrever a tese ou o professor de francês.

O tipo bem podia apreitar os comentários para explicar de onde lhe vem o dinheiro para viver faustosamente em Paris sem trabalhar.

Anónimo disse...

Sócrates e os o seu governo foram muito frugais.

Aio contrário destes paxás com experiência na maçonaria!

A Mim Me Parece disse...

Se o despacho exarado pela viúva do gravatas no processo da putativa licenciatura do licencioso de Maçada fosse sério como o são as conclusões a que chegou o dono desta eira aonde vens diariamente vomitar a soldo de quem te paga, obviamente que não seria o arquivamento.