quinta-feira, 23 de maio de 2019

A cultura da morte

A politicamente correta cultura da morte no NYTimes, de 21-5-2019: «Pregnancy kills. Abortion saves lives», de Warren M. Hern.

6 comentários:

Anónimo disse...

Quando uma civilização — dominante e exemplo para muitos povos durante milénios — envereda pelos caminhos que a dita ocidental percorre, está para breve (séculos) o seu desaparecimento, a sua extinção.
No futuro haverá algum entretenimento para Paleólogos e Antropólogos.

Anónimo disse...

https://www.publico.pt/2019/05/18/mundo/noticia/igreja-francesa-recebeu-filhos-padres-1873204

Anónimo disse...

O novo decreto sobre armas do governo de Jair Bolsonaro (PSL) autoriza a compra de pelo menos 2,1 bilhões de munições, a partir deste ano, por brasileiros que já possuem registro de arma de fogo. Essa quantidade é suficiente para que 5,7 milhões disparos sejam efetuados por dia no país.
Atualmente, há 350 mil armas registradas para defesa pessoal no Brasil e mais 350 mil para caçadores, atiradores e colecionadores, segundo dados obtidos por meio da Lei de Acesso à Informação pelo Instituto Sou da Paz.
No caso das armas para defesa pessoal liberadas pelas regras anteriores, o decreto nº 9.797/19 aumentou de 50 para 5.000 o limite de projéteis que podem ser adquiridos por ano.

Anónimo disse...

BRASILEIROS ARRASAM ESCOLHA POR JESUS: «TRÊS TÍTULOS NA PORCARIA DO CAMPEONATO PORTUGUÊS?»

Anónimo disse...

Papa pede perdão aos ciganos pelas discriminações da Igreja
O Papa Francisco pediu desculpa, em nome da Igreja católica, pelas "discriminações, segregações, maus tratos" sofridos pela comunidade cigana, num encontro com representantes da etnia, na Roménia .

Anónimo disse...

Tenho o cu pronto para see fodido. Aparece às 16h na pastelaria Luanda. Mesa do Jorge. É para enrabar sem misericórdia.