domingo, 7 de fevereiro de 2016

O amparo de Farinho




Revela Felícia Cabrita, no Sol, de 5-2-2016, que «Sócrates pagou a professor para 'ajudar' na tese e no livro». Um excerto:
«Domingos Farinho assumiu ao Sol ter recebido uma avença, paga por uma empresa de Carlos Santos Silva, para ajudar Sócrates na escrita da tese que esteve na base do livro. Mas, para o Ministério Público (MP), este professor catedrático e antigo assessor para a economia de Sócrates é o verdadeiro autor da obra.»
A reportagem concentra-se na autoria do livro «A confiança no mundo», de outubro de 2013. Mas o mais importante não é a autoria do livro, mas a autoria do mémoire de julho desse ano (tal como a sua licenciatura tirada na Farinha Amparo - como dizia Marcelo Rebelo de Sousa)muito provavelmente escrito em português e traduzido depois para francês por alguém que ainda não foi identificado. Quando surgir a acusação do processo Marquês, e a confirmar-se esse facto, é possível que seja extraída uma certidão para envio à Sciences-Po e às autoridades francesas para procederem em conformidade.


* Imagem picada daqui.

19 comentários:

JPA disse...

Aquele curso foi:"Trigo limpo, farinha Amparo".

Anónimo disse...

Mais uma vez o padrão. Foi uma de uma conta do Santos Silva que saiu o dinheiro para pagar ao autor do livro.

Anónimo disse...

O Artista não tinha declarado numa entrevista acerca do livro que o tinha escrito em Francês?

Costa Cardoso, Pedro Garcia Rosado, Rui Verde, João Dias, Miguel Verde, Matilde São Bernardo, Temístocles Menor disse...

Definitivamente,há que demonstrar toda a farsa que é a história académica de José Sócrates. Definitivamente.

Anónimo disse...

Sócrates, quase sempre Sócrates nos artigos do Dr ABC.
É doentio...

Anónimo disse...

Doentia é a impunidade dos teus camaradas, após o esbulho da nação.

Sim, Sócrates declarou que escreveu o livro directamente em francês.

"Decidiu escrever a tese. “Tinha um conhecimento do francês muito insuficiente, tive de graduar-me. Escrevi este livro em francês. E traduzi para português. E, pela primeira vez, por causa disto, li quatro livros do Freud, nunca tinha lido."
Entrevista à esganiçada do Expresso,a múmia Ferreira Alves

Hoje já ninguém duvida de onde vieram os muitos milhões de Sócrates. A grande batalha é fazer com que um poder judicial profundamente corrupto, onde António Costa já vai colocando as suas pedras, e de leis feitas à medida do crime organizado, condene este psicopata ladrão e os muitos que o apoiaram.

Anónimo disse...

http://www.jn.pt/PaginaInicial/Mundo/Interior.aspx?content_id=5020740.

Algo leve para compensar os assuntos sérios que são abordados nestes comentários.

Anónimo disse...

Doentia é os corruptos e os vigaristas não pagarem pelo mal que têm feito aos portugueses e a Portugal.

Anónimo disse...

Onde há corrupção ou vigarice lá aparece o nome do gajo.

Anónimo disse...

Há bem pouco tempo, evoaçavam por aqui as habituais carpideiras do socialismo corrupto sempre a bater na tecla que o Marco António do PSD tinha por hábito nomear amigos para cargos municipais quando por lá andou. Coisa de espantar neste país onde os autarcas são impolutos e nem nomeiam correligionários e familiares.
Gostava agora de ouvir o que têm a dizer os mesmos agitadores sobre isto:

http://31daarmada.blogs.sapo.pt/o-amigo-de-costa-6733049

Anónimo disse...

http://economico.sapo.pt/noticias/socrates-acusa-justica-quer-impedir-candidatura-presidencial_242151.html

Anónimo disse...

É a prova de que o criminoso pensava mesmo candidatar-se.

Anónimo disse...

Parte dos comentários parecem ser de paneleiros pela linguagem que utilizam.
Estes tipos devem pensar que todos são da mesma laia que todos gostam de levar no que é seu.
Calem-se e falem daquilo que pode resolver a suas vidas e a vida de todos nós.

Anónimo disse...

Dizem que a mãe do sousa tem uma grande pensão social para a qual nunca descontou. Pode ser verdade ou mentira. Alguém sabe algo em concreto?

Anónimo disse...

Fala-se numa pensão de 3000 aéreos. O que é normal para uma pessoa que não faça descontos ou que lave escadas um par de anos.
Invejosos.
Além do mais, é mãe do tal senhor que só podia ser detido se apanhado em flagrante e se fosse um crime de sangue.
O sangue socialista é azul.

A Mim Me Parece disse...

A mim parece-me que se houver um tal Santos Silva que encoste a barriga ao balcão da segurança social a fim de pagar retroativamente 40 anos de encargos sociais referentes à sua "empregada" que seja a mãe do Sousa... é afinal uma operação de lavagem de dinheiro sujo que vai dar um retorno enquanto a senhora viver; e a coberto da arca do Alibábá ser descoberta e ela deixar de poder pedir dinheiro dela mesmo que esteja "depenadinha"...

Anónimo disse...

Depois da tentativa frustrada de impingir contabilidade criativa à UE, o PM-não eleito já encetou aquele que é o caminho de todos os socialismo, o terrorismo fiscal.
Para comprar os votos da Função Pública, o governo do crime organizado promove o esbulho de milhares de famílias pobres e remediadas.
O FP pode assim descansar. Está salvaguardada a prestação do jeep e do apartamento no Algarve.
Os restantes, contarão os tostões para que não falte comida na mesa.

O socialismo é mesmo isto. Entraram em 74 pregando que os bens de consumo deviam estar ao alcance de todos os cidadãos e não apenas dos ricos. Todos deviam poder ter um automóvel. Acabam a aconselhar os pobres a andar de transportes públicos e vender o carro.
O socialismo come tudo e não deixa nada.
Barrigudos e offshóricos, os cabecilhas da sinistra organização vivem em torres de marfim.
Hoje há reformados que mandam cortar a luz e a água. No bairro social, os escurinhos têm tudo. Uns pagam pouco, outros nada pagam. Mas, fazem parte da seara de votos da magnífica esquerda.
O povo português não queria revoluções, é conservador. Então, muda-se de povo. A indústria do passaporte vai de vento em popa e bem longe dos ecrãs e das páginas dos pasquins do regime.

Tiro ao Alvo disse...

Eu ouvi o Sócrates a dizer, publicamente, que escreveu o livro na língua francesa e que, depois, foi ele quem o traduziu para português. Agora andam a dizer que não se sabe quem traduziu o livro para francês e que um tal Farinha escreveu a base do livro, em Português de Portugal. E o Sócrates ainda aparece em público de cabeça levantada?

Anónimo disse...

Será que o link abaixo era da conta de José Sócrates em França (conta de "Jose Pinto"), numa altura em que ele andaria à procura de dissertações na internet?


https://www.ladissertation.com/Sante-et-Culture/Cultures-Groupes/Jose-Pinto-152718.html


Nesse caso, é curioso que:

1 - tendo de contribuir com um texto para o site "LaDissertation.com" para poder criar uma conta gratuita, o utilizador "Jose Pinto" tenha criado um texto rapidamente, fazendo um copy-paste do texto da Homepage de uma loja... maçónica (Respeitável Loja Mestre Affonso Domingues, http://rlmad.net/)

2 - José Sócrates não queria que o tratassem por José Pinto...