sábado, 18 de outubro de 2014

Momentum


Amiina (2010). What are we waiting for.

«What are we waiting for?
Just pick up your shoes and go.»


De que estamos à espera? Porque esperamos?!... Porque perdemos momentum? Vamos!

Falo para ti e para ti! Direto, como costumo. Tem de ser agora: a cada dia se enfraquece a hoste, se filtra informação interna e vemos aumentar o cerco. Até já não ser possível, porque o tempo não consente que o desperdicem. Não é preciso estar perfeito: não há bala de prata! O que é preciso é ação. Já! Vocês sabem muito bem o que a Pátria vos exige. 

46 comentários:

Anónimo disse...

A maioria espera que lhe paguem, para irem fazer compras ao Belmiro e ao Soares dos Santos. E que chegue para irem ao MacDonalds, para irem beber umas cervejolas a uma esplanada. E ainda que dê para fazer compras de Natal, e passar o Reveillon com os amigos.

Depois, há muitos que acham que só têm que esperar pelo Ghandi de Lisboa. Com o Ghandi na direcção, o Dr. Salgado vai voltar a pegar nas rédeas da economia da nação. O Dr. Godinho de Matos recupera o seu lugar não-executivo junto do Dr. Ricardo. Abrirão 400 hotéis, em Lisboa, na Comporta, em Vilamoura, e só com isso, arranjam-se 400 mil empregos.

Entretanto, os restaurantes e os centros comerciais têm muita gente. A Brisa voltou a recuperar tráfego nas autoestradas.

Não se sente o tumulto militar ou sequer policial. Está tudo a pensar que o Dr. Passos lhe devolverá 20% dos cortes.

A República mantém-se forte e sólida.

Anónimo disse...

Ninguém imagina que Zapatero poderia ser reabilitado pelos militantes do PSOE espanhol. Ninguém imagina que os gregos reabilitem os líderes do partido socialista grego que conduziram o país para a calamidade financeira. Mas demonstrou-se que, afinal, foi possível os militantes do Partido Socialista português reabilitarem José Sócrates. É uma singularidade dos socialistas portugueses: premiarem a incompetência. Muito bem.

http://www.sol.pt/noticia/115826

Anónimo disse...

Por último, refira-se que é sempre animador ver que os apoiantes que tiveram a honra de subir ao palco com António Costinha Sócrates foram gente nova, tão competente e politicamente sensata, gente da MUDANÇA, como Eduardo Ferro Rodrigues, Catarina Mendes (mulher de Paulo Pedroso e a singularíssima presidente das mulheres socialistas), Mário Lino (grande Mário Lino, o do Jamais!, ministro de Sócrates, do Aeroporto de Alcochete que se converteu em Ota, que se converteu em coisa nenhum, depois de se gastar dinheiro…), Duarte Cordeiro (um jovem socranete, reciclado por Costa), Manuel Alegre (que está sempre do lado vencedor e que revela falta de amor próprio: porque no dia seguinte à sua derrota nas presidenciais, José Sócrates ligou a Mário Soares para lhe dizer: “ conseguimos lixar o gajo!”, para mais pormenores é ler a biografia de Mário Soares escrita por Joaquim Vieira) e muitos mais rostos da renovação política…

Anónimo disse...

"As instituições, em determinada altura, são ocupadas a jeito. E a Procuradoria-Geral da República foi ocupada a jeito. Sócrates, Deus do céu, fez o que quis com a Procuradoria! Com processos arquivados sem ser ouvido sequer, quando era o principal visado! Querem coisa mais espantosa? E tudo se passa sem que as pessoas se questionem"

Ler mais: http://expresso.sapo.pt/nunca-tive-a-intencao-de-fazer-mal-a-socrates=f893257#ixzz3GXh92gji

Anónimo disse...

"De que estamos à espera?"

Mas se bem me lembro, o Povo propriamente dito nunca iniciou qualquer mudança/revolução em Portugal.
Gosta de apontar o mal de tudo aos políticos, aos outros, aos estrangeiros, mas considera-se sempre INÍMPUTAVEL.
Este povinho , só em forte em casa, nas conversas de café... nos comentários de blogues.




Anónimo disse...

Não consigo compreender a mensagem total do texto.
Pessoalmente, não vou votar em nenhum partido do chamado arco do poder. Razão:
-Já mostraram todos do que são capazes.
Gostaria de votar num partido social-democrata que nos pusesse fora da moeda única e renegociasse os acordos que poem em causa a nossa estrutura soberana. Sei que temos de perder algo quando negociamos, mas assim tanto não. Já não somos NÓS. Somos uma sombra fantasmagórica dos nossos antepassados. Nem a nossa língua parece ser a nossa Pátria. O acordo ortográfico está a deixar-nos em maus lençóis.
Gostaria de ouvir, perscrutar algo que valesse um pouco a pena para optar.
Só aparecem marinhos...

Anónimo disse...


É pá, que se lixem as eleições.

Eles não sabem, nem sonham que, daqui a seis meses, só existem em sonhos cor de rosa. O rio é que sabe, vale mais um pássaro na mão que dois a voar.

Que se lixem as eleições!

Anónimo disse...

Condestável Balbino Caldeira: se o ridículo matasse, neste momento o Sr já não respirava. Eu sei que é esse o sonho permanente da Direita Roncante, essa que tem mais garganta do que inteligência e se rebola no anseio de restabelecer o fascismo. Mas é tarde para tais arroubos. O sistema de forças internacionais é hoje muito outro. Só que vocês vivem deste biberão envenenado.

Anónimo disse...

É verdade que o sistema de forças internacionais faz de nações, como a portuguesa, uma Nação de EUNUCOS. A Direita engole o passado glorioso. A Esquerda é tudo menos de esquerda, pois o principal Padrinho da Esquerda socialista era Don Ricardo Salgado, patrocinador activo dos negócios e do financiamento partidário a la longue.

Contudo, estamos num momento único, pois daqui a 2 ou 3 décadas, Portugal será provavelmente uma pequena nação pobre (mais pobre ainda), inserida numa qualquer placa internacional.

A grande maioria dos tugas que estarão por cá, daqui a 2 ou 3 décadas, caminharão de autocarro (como aqueles que faleceram esta noite em Palência), por essa Europa fora, para limparem as casas dos suíços, ou serão ajudantes de pedreiro dos alemães ou condutores de táxi dos parisienses.

Ou partem a corda, AGORA, ou abdicarão de uma vida digna, PARA SEMPRE.

Anónimo disse...

Não é preciso esperar tanto. Em três anos, milhares largos de portugueses estão no estrangeiro a trabalhar nas obras, nas limpezas, no que encontram. Passado o calvário inicial, sobem na vida e estão-se nas tintas para tudo. Ficamos a dever esta façanha ao governo Passos-Portas e ao PR. Desta vez, tenham paciência, não foi o Sócrates...

Anónimo disse...

Que passado glorioso da Direita é esse de que fala? O da cumplicidade com o salazarismo, com o seu cortejo de pide, legião, tribunais plenários, fome, exclusão, emigração massiva? É disso que sente falta? Sente a nostalgia de pertencer a um regime que lhe permita tratar o povo à patada?

Anónimo disse...

Mas, não é a mesma coisa, ser empregado de um patrão francês, ter filhos em França (que não são franceses), e falar português (envergonhado) ou afrancesado, do que ser um cidadão português, em Portugal.

Como é que os portugueses olham para os cabo-verdeanos? E como olham para os brasileiros? Os franceses olham para os portugueses, que por lá estão, da mesma forma....

Anónimo disse...

Esse palavreado de ideologia bacoca, não diz nada. Até porque também se pode argumentar que Abril, produziu o roubo de propriedade privada, de assaltos à mão armada, de detenção com mandado de detenção em branco, de delapidação do património público.

Depois, e se a II República foi tenebrosa, a I República deixou milhares de mortos nas Ardenas sem sentido. A I República prometeu o sufrágio universal e nunca o prometeu.

Portugal foi uma nação independente e com obra. Para uma nação pequena, deixou uma ligação histórica mais positiva, do que outras nações europeias, como a Espanhola, bem mais sanguinária.

Provavelmente, Você não gosta do Salazar, mas gosta do Otelo de Carvalho. Nós não gostamos do Salazar, nem do Otelo.

Nós achamos que o Pinochet e o castro são criminosos. Você deve gostar do torcionário Castro.

Anónimo disse...

Ningém vai partir coisa alguma nem rebelar-se contra coisa nenhuma.
A população está dividida nesta ficção ideológica das esquerdas e direitas e o grosso da coluna neste momento só pede a reposição dos salários e pensões,coisa que pensam obter votando no partido das bancarrotas e no seu novo/velho milagreiro.
É difícil imaginar que os portugueses têm a menor ligação à realidade ao passarem 40 anos a ouvir as televisões a impingir utopias e a falar de um universo paralelo onde numa bancarrota,os estivadores podem exigir aumentos e lhes é permitido paralisar a actividade portuários portugueses acreditam que os dois partidos comunistas que fazem questão de manter na AR são democratas e defensores do parlamentarismo. Mesmo tendo havido um 25 de Novembro de 75.
É de gente com este nível de consciência que se espera uma sublevação ou uma contestação numerosa?
Mesmo os que esperam que um novo governo socialista e a consequente catástrofe económica e social que se vai seguir será a wake up cal,lembrem-se que há um cliente que espera isso há muitos anos,que trabalha a longo prazo e é por isso que tem apoiado as medidas ruinosas do PS e feito o trabalhinho de demolição dos governos PSD através do seus tentáculos sindicais.
Essa entidade tem organização. Os movimentos espontâneos não têm.Adivinhem quem vai levar a melhor.

Anónimo disse...

Estes comunistas são aberrações vivas.
Confundem o passado de uma nação com nove séculos de História com 48 anos de regime do Estado Novo.
Falam da PIDE que já nem existia no fim do regime,era a DGS.
Como não tenho pachorra para ignorantes,deixo apenas esta questão simples:
És capaz de avançar com números sobre as vítimas da PIDE/DGS e as do PCP,que matou mesmo sem ter chegado ao poder? E as vítimas do PRP? E das FP 25?
Quem matou mais em Portugal,a esquerda ou a direita?

Anónimo disse...

"Essa entidade tem organização"

Nós sabemos. O capital é que manda. Chame-se ele Goldman Sachs ou Partido Comunista Chinês.

Nós aguardamos pela debacle, apenas porque é inevitável. O povo acredita no lixo Soares e Marcelo, Cavaco ou Barroso. Todos têm duas coisas em comum: 1) são absolutamente incompetentes; 2) são absolutamente competentes para serem ricos, ainda que só tenham trabalhado para o Estado.

Antes do 25-A, a culpa era a falta de educação. 40 anos depois de Abril a Educação de Abril não ensinou a malta para ver quem são os vigaristas e os incompetentes?

José Domingos disse...

A minha pátria, é a lingua portuguesa.`
Parece-me que não é aqui, o português, que eu aprendi, tem uma vida excePcional.....
Só conseguimos ter uma educação em condições, quando forem despedidos, os do comité central, na 5 de Outubro, o problema está lá.

Anónimo disse...

Para o comentário das 18:02
O seu universo é a preto e branco, ou se gosta dum ditador ou do outro. Nada de escolhas democráticas. Você é uma pessoa limitada, lamento dizer.

Anónimo disse...

Para o comentário das 18:42
Quem é honesto, decente e bem informado, sabe que a pide matou, no Portugal europeu e nas colónias, muito mais pessoas do que o PC . Este, porque não teve tempo, pois houve patriotas que lhe saíram ao caminho e o travaram. Entre eles esteve o PS ou já não se lembra? Tenha cuidado com esses esquecimentos, podem dar em Alzheimer.

Anónimo disse...

Exactamente.

Senhores Doutores da Justiça,

O tempo esvai-se. É necessário meter o Zézito nos curros. Antes que a ampulheta fique sem tempo.

O medo é para os traidores. Aqueles que pensam que o prato de lentilhas durará para sempre.

É necessário pegar no que se tem em computador, e atacar. Já.

Anónimo disse...

"Quem é honesto, decente e bem informado, sabe que a pide matou, no Portugal europeu e nas colónias, muito mais pessoas do que o PC"

Quem é honesto procura a verdade e ela não se embebeda com propaganda comunista. Ponha lá os números em evidência!
O PCP matava os seus próprios militantes antes de 74 por suspeitas de traição ou perigo de efectuarem denúncias.Punha bombas
Porque não se faz investigação histórica,se mantém um tabu opressivo e se evita o debate?
Porque destruíram parte dos arquivos da PIDE/DGS e o restante levaram para Moscovo?
E quer mais vítimas dos comunistas? ponha lá os militares portugueses abatidos ao serviço da pátria nas colónias pelos Movimentos criados pelo PCP a meias com Moscovo. ponha lá as centenas de milhares que tombaram nas guerras civis directamente causadas pelo imperialismo soviético e pelos cubanos.
O que vocês querem é esconder os factos e evitar a discussão.

Anónimo disse...

Sabíamos que andava por aqui um adiantado mental do socialismo. Nada que surpreenda. É daqueles que quer andar de Bentley, como o Vitorino da Quatrecasas, mas que quer ir ao Bairro do Fim do MUndo, dizer aos ciganos que é amigo deles. Pois, os que fazem a "Quadratura do círculo".

"À volta cá te espero", é o nome de uma tasca ali junto ao Cemitério do Alto de São João. A festa está quase a começar. Bota aí os foguetes, cara!

Anónimo disse...

" Entre eles esteve o PS ou já não se lembra?"

Lembro e também lembro quem impôs o PCP no primeiro governo.
Lembro que os americanos prepararam a resistência à tentativa de poder totalitário do PCP e hesitavam entre Sá Carneiro e Soares,tendo este último conseguido o prémio.O Rui Mateus explica como.
Lembro que o PS foi o companheiro de viagem do PCP na descolonização exemplar.
Lembro que o PS sempre achou o PCP essencial para a democracia.
Lembro que parte dos dirigentes da cúpula do PS eram comunistas antes da fundação do PS. É por isso que a mentalidade está lá latente.

Anónimo disse...

O José Gomes Ferreira seria benvindo à política.Tem bom senso e percebe o fundamental.

http://www.cmjornal.xl.pt/nacional/politica/detalhe/esta_tudo_minado_porque_ha_bloqueio_no_parlamento.html

Anónimo disse...

De que estamos à espera? que o Relvas nos bastidores ou o Vara ou o Godinho com os seus negócios em angola ou aqui dentro do estado, com tecnoformas ou outras do género, enriqueçam ainda mais............., que triste povo este sem tomates !!!!!!

Anónimo disse...

E os prédios que o Arquitecto Salgado providenciou ao primo Don Ricardo, em Lisboa? Passarão a ser o Bataclã?

Anónimo disse...

"D. dUARTE tem hipoteca no BES"
Casa de 2 milhões responde por dívia de 25 milhões"


Anónimo disse...

Para o Anónimo das 18:12
Então, antes do 25 Abril, já
não havia Pide, era a DGS!!!!!
Estava Caxias cheia de presos políticos, libertados a 27 de Abril, mas disso não fala nem sabe. O Tarrafal é uma memória em pedra, em Cabo Verde, para que a memória não esqueça os que ali morreram de tortura e exaustão. E por aí fora.
A sua resposta quer apenas dizer uma coisa: você não é honesto, nem decente, nem bem informado.É um digno elemento da Direita Roncante e Porca.

Anónimo disse...

Não é ideologia bacoca, é a verdade. Vamos ver se nos entendemos: em Portugal há uma Direita civilizada, bem informada, culta e de mãos limpas. Mas com um defeito não aparece, porque não quer misturas. Faz mal, porque leva o povo a concluir que a direita é essa quadrilha que vai de S. Bento a Belém, acolitada pela direita torcionária e intolerante, todos eles compadres de muitos negócios pouco claros. Como foi no passado remoto e no mais recente. Foram muitos os que comeram do BES para andarem mansos e calados. Até provas em contrário, esta direita merece forca.

Anónimo disse...

Ao Anónimo das 00:06

Que medo!!!!!!!!!! Vocês estão a preparar uma festa, isto é, um golpe de estado com muitas prisões e algumas mortes? Então, habilitem-se. Mas depois não chorem baba e ranho, não se armem em vítimas. Ou julgam que ficam sem resposta?

Anónimo disse...

As concessões rodoviárias adjudicadas pelo Governo de José Sócrates vão representar no próximo ano um encargo de mais de 500 milhões de euros para o Estado.
Será que vamos ficar sempre de braçoes cruzados perante o despautério?

Anónimo disse...

Anónimo das 13,14

Será que vamos ficar sempre de braçoes cruzados perante o despautério?

Isso é que era bom, este governo vai ser posto na rua pelo CDS/PP.

Anónimo disse...

Não é preciso fazer nada, para que haja a festa. Apenas, esperamos. O tempo está do nosso lado.

Anónimo disse...

Treta. Quem domina o panorama, não é a Direita ou a Esquerda. Quem domina são os Negócios. O Dr. Vitorino. O Dr. Jorge Coelho. O Dr. Dias Loureiro. O Dr. Paulo Rangel. O Dr. Nuno Godinho de Matos. O resto é conversa.

Anónimo disse...

Ora, cá está. Cheira a poder. Farejam os alemães.

http://economico.sapo.pt/noticias/ps-nao-se-compromete-com-manifesto-dos-74-e-quer-audicao-publica-sobre-a-divida_204134.html

Cauteloso e sem soluções definitivas, o PS quer o Parlamento a promover um processo de “audição pública para avaliação do impacto da dívida pública e das soluções para o problema do endividamento”.
No projecto de resolução que leva quarta-feira a debate e votação, o partido de Costa não alinha nas recomendações do Manifesto dos 74, do qual fazem parte Ferro Rodrigues, Pedro Nuno Santos ou João Galamba, e que passava por uma reestruturação da dívida em prazos, juros e maturidades.

Anónimo disse...

Esquerda vs. Direita, mas isto é algum sporting-benfica ?
Enquanto nos fracionamos em esquerda e direita, governantes ladrões vão-nos sacando tanto quanto podem e como se não houvesse amanhã, veja-se o caso das dívidas contraídas pelo sócrates que vamos começar a pagar em 2015. E esse tipo já saíu do governo em 2011. por isso tomei como meu partido o país onde nasci e como ideologia o bom senso.
Uma frase de Salazar, que é quase um programa para o país:
«Instrução aos mais capazes, lugar aos mais competentes, trabalho a todos, eis o essencial».

Anónimo disse...

"Um jovem pobre que faça tudo bem não ultrapassa um rico que faz tudo mal"


Anónimo disse...

Quem pretende defender Carlos Costa? Porquê?

http://economico.sapo.pt/noticias/pt-sgps-pede-esclarecimentos-ao-banco-de-portugal_204252.html

A PT SGPS pediu esclarecimentos ao Banco de Portugal sobre a polémica aplicação de 897 milhões de euros, que a anterior administração realizou em dívida de curto prazo da Rioforte, admitindo recorrer à Justiça caso o supervisor negue o acesso a essa informação, anunciou a empresa em comunicado.

Adiantou que o Banco de Portugal, até à data, "tem-se recusado a disponibilizar a solicitada informação, invocando o segredo profissional a que está obrigado e o universo excessivamente amplo e, segundo ele, vago da informação solicitada, bem como a sua extensão e, mais uma vez segundo o Banco de Portugal, a indeterminação do pedido, que tornariam impraticável a pesquisa e a identificação segura dos documentos a notificar ou a certificar".

Doutor Baba disse...

Pelas Cuvilhãs e outras Beiras Interiores o gang Sócretino pontifica e pratica todos os desmandos....broche de ouro para o dito....lugar num conselho da treta numa coisa que se auto-intitula universidade e onde opera um Pacote de lixo oriundo de outra pretensa universidade chamada iscte,famosa por albergar o amante de criancinhas P...a última é o doutoramento bancurroto causa do Baba...grande cúmplice e homem de mão do Sócretino....lembram-se de como a Moura Guedes foi corrida da TVI?....Costa também que debaixo do Costa todos os Kurrutus existente em Portugal serão automáticamente doutorados...será criado um novo grau quando a Lulu se tornar ministra da falta de educaçã do Costa com gabinete em Tires...o grau de doutor kurrutos causa....o Sócretino será o primeiro a receber tal distinção...

Cagalhão Ferrugento disse...

É mais que justo...mas primeiro será criado o grau de Doutor Cagalhotus Causa....serei sempre o primeiro a ser Doutor antes do meu querido Kamarada por onde circulo intímamente todos os dias...

Anónimo disse...


Não vale a pena. O destino de Portugal é o infortúnio. Com lideres como Sócrates ou Passos só nos resta pedinchar. Analfabetos, formados aos 40 anos, como poderão ter competência para gerir a coisa pública? Presidentes como Cavaco, que não decide, não tem uma ideia,que dá cobertura à iniquidade, injustiça e incompetência, que fazer? Que povo é este que tudo suporta, inclusive os malcheirosos "boys" espécime despersonalizado da nossa sociedade, que vive na chulice! Resta a via da decência, a auto ou legitima defesa dum povo espoliado.

Anónimo disse...

Habituem-se à alternancia entre o PS e o PSD. É bom. É a chamada, do "mais do mesmo".

Anónimo disse...

O Zé António Vieira da Silva, hoje, até parecia que tinha um feijão frade no anus. Tão feliz que está. Será da futura gestão da dívida publica.

Clube da Kurrução disse...

Comparar as dezenas de milhar do pobre Passado com as centenas de milhões roubados pelo nababo Sócretino é como comparar um carteirista da Baixa com um Serial Killer....vou votar bola preta para a entrada do Passado no nosso Clube...aqui só entram Serial Killers....ou Coelhos vindos de Mota....

Anónimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=Iu5XX-OTunc
Kevin Vickers, 58 anos

mas em Portugal o Português está ou sonha ser Reformado!!

Anónimo disse...

Isto era premonitório, não era? Falava para CA e RT, obviamente. Fez bem... a Pátria não podia esperar mais.