sexta-feira, 11 de maio de 2012

Desemprego seletivo na Grécia socialistizada

O desemprego na Grécia chegou aos 22% em abril. O Pasok, socialista, encarregado de formar Governo, depois dos falhanços de Samaras da Nova Democracia (de direita) e de Tsypras dos radicais de esquerda,  prometeu na campanha eleitoral que a Grécia regressaria às origens, relançando a agricultura. Porém, os gregos estão renitentes. Mas a União Europeia continua a financiar o país, enquanto decorrem as penosas negociações de governo e se foram marcadas novas eleições para resolver o impasse, como é mais provável. O líder dos socialistas do Pasok, Venizelos, conseguiu o apoio dos Democratas de Esquerda, chegando em conjunto a... 20% dos votos e do parlamento, mas não é provável que consiga o apoio da Nova Democracia, de Samaras. Uma sondagem publicada hoje, 11-5-2012, indica que os trotkystas do Syriza são agora o partido mais popular da Grécia, o Pasok desceu para 10% e a Nova Democracia, que tinha sido punida nas urnas de voto em 6-5-2012 pelo seu contrariado apoio ao programa de austeridade, desce para 17%

A associação de jovens agricultores de Imathia, no norte da Grécia, publicou há cerca de duas semanas, uma oferta de 5.000 empregos (23 euros, cama e mesa, 4 meses) para a apanha dos pêssegos. Nessa região a taxa de desemprego é de 25% e na região vizinha (Pella) é de 50% - o desemprego jovem na Grécia subiu a 51,5% (março de 2012). Contudo, responderam ao anúncio apenas... 19 gregos e as vagas acabaram por serem preenchidas por albaneses.

Enquanto o Estado Socialista financiar o desemprego e mantiver o assistencialismo ocioso, o mercado de trabalho não se reequilibra e a economia não arranca. Naturalmente, os cidadãos não estão dispostos a aceitar maus empregos  - manuais, pouco atrativos ou mal pagos -, enquanto a almofada do Estado os aconchegar. Não há futuro para o Estado Social(ista) europeu. Temos de mudar de política: combater a corrupção, limpar o Estado, cortar a dependência da banca privada, não gastar o Estado mais do que tem, promover o trabalho, racionalizar o assistencialismo ocioso e eliminar a política de investimento de partir janelas para as reparar. Contudo, a farsa ideológica continua até à ruína completa, acelerada pela corrupção política.


Atualização: este poste foi atualizado às 10:05 de 11-5-2012 e emendo às 16:18 de 13-5-2012.


* Imagem picada daqui.

22 comentários:

Anónimo disse...

Por cá as 230 vagas estão sempre preenchidas.

O troca-tintas Seguro foi à RTP ser entrevistado pela célula do PS.
Para além das banalidades e parvoíces em que é fértil,lançou uma ameaça terrível.
Se o governo atacar a Segurança Social,tal como José Subtil se barricou numa retrete da RTP,ele vai fazê-lo na rua.
Não esclareceu se levava penico.

Anónimo disse...

O socialismo corrupto está louco por rasgar os pactos e quebrar os compromissos que estabeleceu com o FMI.
Só não sabe como o fazer sem outro motivo que não o do oportunismo e da falta de honra.
Então,o Inseguro já faz ameças encabeçadas por "SE"!
Este partido devia ser investigado a fundo.
Seria o fim desta associação de vigaristas.

Anónimo disse...

O post termina falando de corrupção política.
Está aqui um exemplo dessa podridão da qual é protagonista o mesmo de sempre,o partido putrefacto,


«Partido Socialista - DIAP investiga fraude na inscrição de novos militantes» - Público

Várias reclamações para a sede do partido e uma queixa ao Ministério Público. A cerca de um mês das eleições internas para as distritais no Partido Socialista - 15 e 16 de junho -, dispararam as denúncias de caciquismo em variadas federações.

Anónimo disse...

Este Dr ABC é extraordinário.
A direita é, há muitos anos, maioritário na Europa. É a direita que define as políticas nos países da UE. A direita governou na Grécia até meados de 2009.
Mas para o Dr ABC os socialistas que são os únicos responsáveis por todos os males em todos os países da Europa.
Convenhamos que é uma visão muito tacanha do que se está a passar.
Aqui aplica-se o ditado "é mais cego quem não quer ver, do que o verdadeiro cego".

Anónimo disse...

"O presidente da Câmara de Oeiras, Isaltino Morais, já não pode ser condenado por corrupção no processo de contas da Suíça, apesar do crime ter ficado provado no julgamento".

Mas alguém fica admirado por esta normalíssima situação?

Alguém ficou admirado devido ao processo Portucale não ter dado em nada?

Por acaso, alguém ficará admirado se o caso dos submarinos ir por água abaixo?

E qual será a admiração se os gajos porreiros dirigentes e "e amigos" do BPN serem ilibados?

Alguém acha que o Duarte Lima vai sofrer alguma penalização?

Claro que não, ninguém ficará admirado se todos esses homens que cometeram crimes (será que para o Dr ABC essa gente é socialista? - admito que sim, tão grande é sanha) saírem pela porta grande.

Anónimo disse...

Em portugal acabou as mentiras ditas pelos governantes. Passou a chamarem-se lapsos de circunstancia.

Anónimo disse...

É ao contrário, temos que massificar a componente tecnologica para libertar as pessoas do trabalho servil e mercantilista.

Anónimo disse...

Enquanto não fôr extinta aquela excrescência do Soares a que dão o nome de PS,quadrilha do submundo do crime organizado,nunca nos libertaremos de coisa nenhuma.

Anónimo disse...

Minha querida Merkelzinha, não deixes fugir a Grécia, a tua Merkolândia não tinha graça nenhuma sem os gregos, é gente porreira, acredita.

Pior, bem pior é aquele... Hollande, que de repente correu com o teu pintainho húngaro, era tão giro a andar, tinha mesmo ar de pintainho calçudo e fazia-te todas as tuas vontades... Bem todas, todas... Deixa para lá, já começo a ficar com ciúmes, enfim!... É o amor!

Do teu Napoleão

Anónimo disse...

"O secretário-geral do PS, António José Seguro, afirmou hoje, em Cabeceiras de Basto, que a austeridade "é necessária", mas "não na dose e ritmo" que está a ser aplicada"
http://www.ionline.pt/portugal/seguro-diz-austeridade-necessaria-nao-nesta-dose-ritmo

Certo,Tonho Seguro.Assim é que se fala.
Mesmo que não se cumpra as metas do défice,é preciso deixar as pessoas viver com desafogo.


"AR: Seguro confronta Passos com dúvidas sobre meta do défice
O secretário-geral do PS confrontou hoje o primeiro-ministro com dados que indiciam que Portugal não cumprirá as metas do défice em 2012"
http://dinheirodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=1&id_news=180238

Oooooops!
Então...Seguro...não era suposto reduzir a austeridade e tal?!

Anónimo disse...

Para não voltarmos a cair na mesma trama socretina de ver um partido afundar a nação em dívidas,ficando os dirigentes políticos responsáveis a viver milionáriamente em Paris,seria bem apropriado colocar o travão na lei da Costituição.
Será uma defesa para o povo português contra os malfeitores dos partidos políticos.



"Confrontado com a proposta do presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, de dar atribuir para constitucional à inscrição da regra de ouro na lei de enquadramento orçamental, António José Seguro demarcou-se dessa perspetiva.

António José Seguro começou por referir que o primeiro-ministro defendeu antes que a regra de outro fosse inscrita na Constituição da República, ideia que teve a oposição do PS."
http://www.agenciafinanceira.iol.pt/economia/seguro-antonio-jose-seguro-divida-defice-agencia-financeira/1336154-1730.html

Ò Tonho,pá.Então queres continuar o regabofe soarista e socretino?!
E eu que acreditei em ti para mudar o panorama político,pá.
Quando vi na tua bancada o Ricardo Rodrigues,o Lello,o Assis,o Silva Pereira,etc,pensei,este rapaz rodeado destas caras novas vai longe.
Não me desiludas.

Anónimo disse...

Então não é que o Van Zeller, suponho que não é socialista mas o Dr ABC sabe melhor dessas coisas e quando não sabe inventa, disse que o PSD está a criar condições objectivas para o PS romper com o consenso político. Todos já viram isso, todos não, o Dr ABC demora sempre mais tempo a ver qualquer "maldade" no seu PSD. É uma questão de vista, penso eu. Então esta de enviar documentos para a Comissão Europeia sem os remeter com antecedência ao Parlamento até um cego vê.

Anónimo disse...

Socretino,estás novamente a aldrabar.Andas desfasado da realidade.
Os caminhos do sucialismo são a mentira e a trapaça.

Estamos a falar deste Van Zeller?

"Van Zeller, esse xuxa...
Como avalia a acção de José Sócrates como primeiro-ministro de Portugal nestes quatro anos?

Há pouco tempo estive a falar sobre isso, e o que achei foi que ele subiu o nível, a fasquia do que é um primeiro-ministro em Portugal. Subiu muito.

Subiu em relação ao Governo anterior?

A tudo que a gente conhecia.

Mesmo ao período de Cavaco?

Sim. Porque a coragem com que se atirou aos grupos de poder, a enormíssima vontade com que se atirou para reformar várias áreas tão enquistadas na sociedade. Não quer dizer que tenha conseguido, mas demonstrou o que deve ser um primeiro-ministro. Tem de ser reformista, às vezes com violência, tem de procurar novos programas, novas ideias, atirar-se a todas as situações estabelecidas sem medo e ganhar ou perder. Ele subiu muito a fasquia, e qualquer outro primeiro-ministro que exija menos do que este não vai longe."


Isto vem do blogue do partido socialista,Lixo Corporativo,insuspeito,portanto.
http://corporacoes.blogspot.pt/2009/03/dialogos-que-impoem-respeito.html

ZELADOR DE SODOMITAS disse...

O Zeller?Um Sócretinista de primeira água mas com as qualidades suplementares de ser também um cretino de primeira e uma esfregona velha e relha capaz de limpar toda a água porca para debaixo do tapete.Dócil como um capacho durante anos a fio.É destes que o Sodomita gosta.Se o DosMarmelos o tivesse conhecido era hoje porteiro ou carregador de pastas na PO.

Anónimo disse...

SERÁ QUE O GAJO JÁ ENFIOU A FASQUIA NO TRASEIRO COM VIOLÊNCIA?

oportunista mente disse...

Gostei, gostei foi de ouvir o nosso 1º, que... isto de estar desempregado é uma questão de mera mudança de... vida! eheheheh!!!...
Claro que é - verdade de La Palisse!... é uma questão de ter algo, ainda que muito pouco e passar a ter nada!
Simples sr. 1º....!!! Isto já não pode ser mais surreal... estão todos "marados". Só pode!
Uma oportunidade...?! estar desempregado e sem "rumo" à vista?!... Ó sr. 1º... está a mangar cá co´a gente!!!...
Pode ser que, em breve, venha a ter também esta fantástica oportunidade... de mudar de vida e, começar a trabalhar, mas a sério!...

Anónimo disse...

Vêssse quue tuu na agarras as uportynidades que o 1º tate dando e de borla paa!
Precura paa, precura e emcomtraraas paa... e osdepois vais ver que ficas felis.

Asteé paresses xuxas.

BASTA DE RELVAS ! disse...

No mesmo dia em que o Sócretinista i da Salope insulta todos os Portugueses anunciando que o arguido Vara vai ser o próximo Presidente da Cimpor a pedido dos brasileiros da Correia de transmissão do Sócretino,o maior inimigo de Portugal e dos Portugueses ataca ferozmente Seguro com destaque de primeira página na expectativa de que sangue,poder e dinheiro estão à mão de semear.Nada disto seria possível sem a cumplicidade activa de Relvas,que trai todos os Portugueses que votaram na mudança e no PSD.As provas começam a ser esmagadoras.Basta Relvas!Abaixo a corrupção!O Sócretinista Zarolho para Vale de Judeus!

Anónimo disse...

O comunismo arrasou com o Leste, está arrasar a América Latina e os EUA e o socialismo arrasou para já Espanha, Portugal e Grécia.

Curiosamente quem lançou a crise socialista de expansionismo e dinheiro fácil para financiar a preguiça e imigrantes ganha as eleições.

Anónimo disse...

A 1º grande preocupaçao de Relvas nao é eliminar a corrupçao em Portugal. A 1º grande preocupaçao de Relvas é saber se ainda existe mais dinheiro nos bolsos dos trabalhadores

Anónimo disse...

O povo é sereno. O Van Zeller? Era responsável de um tachito que o Vieira Zarolho lhe arranjou lá no ministério? Isso faz de Zeller socialisa? Não. Zeller é um oportunista. Tal como o Saraiva. Traficantes profissionais, qual habitante do Bairro do Cerco. Portugal acabou por adormecimento geral da população. Não tem remissão. Só a Ordem voltará a pôr sentido nas coisas. Quem vai assumir a liderança? não se sabe. Sabe-se que o Soares já percebeu o seu fim, por isso está outra vez a espernear. O Vasconcelos seria detido se Portugal fosse um país desenvolvido. Os gangsters estiveram no poder. Exilaram-se em Paris. O novo poder é gtão gangster como o anterior. O centrão que +artilha negócios não tem emenda. A Ordem vai ser exigida pelos cidadão que emborca minis e vê uns pontapés na bola. Quando acordar do adormecimento, vai abrir o caminho à Ordem.

razlich disse...

Flood in Portugal. The consequences of the storm 13.05.2012
http://www.youtube.com/watch?v=W1utX190uF4