sexta-feira, 6 de abril de 2012

P.



Nesta Via Sacra, que é o caminho da nossa vida, da vida de todos, do profano ao sagrado, de queda e ascese - constante queda e ascese -, seguimos. Perante os obstáculos da crise moral, política, económica e financeira - por esta (des)ordem... -,  caímos, viramos, reerguemo-nos a custo vergados pelo peso do pecado, levantamos a cabeça para o alto e olhamos defronte. Teimamos até podermos. Algures, acreditamos, há-de estar a redenção do sacrifício que, no olvido do egoísmo, julgamos injusto. Que esperamos dos outros e que crédito temos sobre Deus, se nos fechamos sobre nós mesmos nesta era de tribulação, amargura e desorientação? Mas quem mais nos pode perdoar, reacolher e ajudar, depois (e antes...) do exame de consciência, do arrependimento, do reencontro da fé, do retorno à missão humana, familiar e comunitária? O homem é corpo e alma - corpo fugaz e sopro de alma. Ou cede e evanesce ou resiste e dura. Até poder. E quando finalmente cair, o homem há-de triunfar pela vitória da Páscoa.

Fevereiro levou-me um amigo. Não escrevi logo, porque me doía - e duas vezes. Doía-me pelo facto/fado e doía-me pela causa/culpa. A causa é a depressão económica politicamente provocada; e a culpa é nossa porque não nos revoltamos em massa perante a corrupção. O facto foi o fado insuportável da vergonha que um homem sente.

Aguenta um homem até poder. Um homem antigo - com tudo o que tem de teimosia e de dureza -, rijo, franco, de olhar direito e de palavra de honra. Um homem-homem, nascido na rocha em tempo mole, de homens moles, de valores maleáveis e de instituições malévolas. Raro, amigo do seu amigo, provedor da família e dos empregados, conviva insubstituível, humano para lá da carcaça, o homem era.

Cria esse homem uma empresa, prospera, quando havia condições de prosperar, e agarra-se ao trabalho e procura novos mercados e oportunidades quando o socialismo destruíu a economia antes de ter evaporado as finanças. Na solidão da responsabilidade, o homem mantém-se de pé, segura, congrega e combate. Com face, uma só - e com espelho! -, numa época dúplice, e sem vergonha, o homem que não dobra, resiste. Até poder. E quando não aguentou mais, porque o Estado e os bancos esmifram as empresas que os sustentam, o homem orgulhoso, de uma só cara, que não se torcia, antes sorria das desventuras, no seu ar sólido e fala líquida, o homem quebrou. Sozinho, com o brio de não consentir ajuda, sem ninguém saber, nem poder travar,  protegeu os seus e, sem qualquer apelo, disfarçando a dor que havia de sentir pelo que construíra estar a desabar, quando encurralado, partiu. Destroçado pessoal, familiarmente e economicamente, pela crise, deu o sacrifício extremo.

Não se pode julgar a dor dos outros, nem excomungá-la. Um homem é o que é: não é mais, nem menos. Parte o aço que não dobra. A nós resta louvar o dom da sua vida, caminhar com a companhia da sua memória e rezar-lhe pelo descanso da sua alma dorida. A corrupção política tem esse custo direto desumano: redução de bem estar, desilusão de projetos, fome, dor e... vidas perdidas. Por esse motivo, e  por vós  - irmãos! -, a batalha patriótica é irrenunciável. Pelos P. Portugueses.


Atualização: este poste foi consolidado no sábado da Paixão que os portugueses, que iluminam as vésperas, e sincretizam os costumes na fé, chamam de Aleluia. O povo é santo. Mesmo quando peca.

40 comentários:

Caboclo disse...

Bem hajas António Balbino ,

Que Deus te abençoe sempre.

És um farol na nossa vida e uma fonte de esperança que a verdade um dia vingue, quando as trevas socialistas desanuviarem ..pois não há mal que não se acabe .
Pode ser que tenha que haver luta armada ..estaremos juntos.

ChrisMM7 disse...

Adoro a imagem.
Muito bem

Anónimo disse...

Para que os portugueses não esqueçam.

http://www.tvi.iol.pt/videos/13606820

Anónimo disse...

Lembram-se disto?
Na altura é que se devia ter começado a limpeza.
O dr Rui Mateus,coitado,ainda teve ilusões.
Pobre sina a dele.Exilado antes de 74,fugitivo depois dessa data.
Falava-se num contrato para o mandar para o braços do Altíssimo.
O autor fundacional da coisa anda por aí a passear a 200 à hora em carros pagos pelo Estado falido,tendo colossal fortuna pessoal.
Uma fortuna de esquerda.Uma fortuna progressista e moderna.

http://elucubrativo.blogspot.pt/2012/02/mario-e-joao-soares-papa-doc-e-baby-doc.html

Anónimo disse...

Bem Haja por este texto.

Karocha disse...

Caro Prof. ABC e comentadores do Blog,uma boa Páscoa para todos.

Anónimo disse...

Bonito e comovente. Feliz Páscoa para si e família, assim como para todos os leitores que aqui vêm por bem.

Aproveito também para desejar uma Páscoa Feliz à Karocha, já que a vejo por estes lados :)
Maria

MILHAFRE disse...

Do meio do Atlântico, uma Feliz e Santa Páscoa para os nossos irmãos lusitanos.

Anónimo disse...

Boa Páscoa,Açoriano,a partir daqui do Mónaco.
Ainda não chegaste Portofino?

ljer disse...

Uma Feliz Pascoa para todos

VIVA PORTUGAL!VIVAM OS PORTUGUESES! disse...

Neste dia de Páscoa lembremo-nos de todas as vítimas deste regime tenebroso.Dos que cairam e já não conseguiram levantar-se,dos perseguidos,dos desempregados,dos que vivem na rua,dos que são acossados ao suícidio,à ruina,ao desespero,à emigração.Não esqueçamos também os opressores,os corruptos,os que negam Justiça,os que exibem a fortuna que não ganharam mas roubaram,os que levaram Portugal e os Portugueses à bancarrota.Um dia pagarão pelos vossos crimes.A Força dos Patriotas é a das suas convicções e da sua solidariedade na defesa de Portugal e dos Portugueses.

Anónimo disse...

"Agência Egan-Jones diz que Portugal "irá cair de certeza" "
Correio da Manhã

Boa Páscoa para todos.

Sejam bons cristão, levem os governantes mentirosos e culpados à presença de Deus, rapidamente, para que possam ser perdoados e bem encaminhados na sua vida eterna. O Paraíso não pode esperar.

Anónimo disse...

Parabens pelo estoicismo, Prof. Balbino Caldeira.

Contudo, tudo se acabou. Tudo são cinzas. Jesus reergueu-se, porque é muito grande.

Portugal foi entregue a jacobinos e maçons. Os Jacobinos e maçons comeram tudo, autenticos devoradores de corpos, com todo o sangue esvaído.

A indignidade continuará enuqanto os Pintos Monteiros e os Noronhas forem os instrumentos de Justiça. A miséria intelectual e a moral serão sempre equivalentes a nada enquanto Soares for um herói para muitos Tugas.

Os Tugas mataram os portugueses.

D. João I extinguiu-se. Só se reeguerá após muitas mortes. Depois das cinzas e da morte, talvez volte a existir Portugal.

Anónimo disse...

Não tenham ilusões, os vigaristas estão bem acoitados, não largarão mão do tacho, nem que para isso escravizem um país inteiro.
A justiça divina não é para aqui chamada. Onde estão, os hitler, mussolinis, estalinis, mao-tsé-tung e afins,...!?...Viveram faustosamente, escravizando milhões de seres humanos!
Onde estava a justiça divina? De férias!?

Anónimo disse...

A profunda podridão do regime exibe-se despudoradamente quando assistimos semanalmente à peixeirada circense do Marcelete.O fedor conduz-nos inevitávelmente ao vómito.

Anónimo disse...

Chamem-lhe Tróika, chamem-lhe Botas, chamem-lhe Ordem. Isto está muito próximo do abismo abrupto:

http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=567163

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde afirmou que tem «falhado tudo» para desincentivar os jovens do consumo de álcool e defendeu a realização de uma campanha que envolva a escola, a família e os serviços de saúde.Um estudo recente do Instituto da Droga e da Toxicodependência (IDT) sobre o consumo de álcool, tabaco e drogas em meio escolar refere que os jovens portugueses começam a consumir álcool cada vez mais cedo, a beber em maiores quantidades e a embriagarem-se mais vezes.

Segundo o estudo, 37,3 por cento dos alunos com 13 anos já experimentou beber álcool, número que sobe para 90,8 por cento nos jovens com 18 anos.

Diário Digital / Lusa

Anónimo disse...

Acho bem.
Porque não beber alcool?
O alcool comanda a vida.

Mais um dos anormais que nos levaram à falência e que,coitadinho,fazia muitos sacrifícios...

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/exclusivo-cm/mendonca-tinha-cartao-de-7-mil-euros

O SENHOR EMBAIXADOR disse...

Depois da morte do DESCOINGS o Sr.Professor Marcelete acabou de ser nomeado embaixador plenipotenciário em Lisboa do estudante de Paris.Tem a vantagem de conseguir substituir o Clone,o Ricardinho,o Vesgo Sarolho,a Lolla e a Moreia.O valor do trespasse é desconhecido.

Je sais tout disse...

O Bispo pertence à manada gay.
Todos diferentes,todos iguais.
Diferentes pela frente,iguais atrás.

JE SUIS PARTOUT disse...

Estou por todo o lado.Em Paris,em Lisboa,no fundo da Beira,em Coimbra,em Vilar de Massada,na PO,em Caimão,nos Ministérios,na PGR,nas Administrações,inflitrava o Descoings,infiltro o Marcelo,infiltro os camaradas do grupo paralamentar do PS,os do Constitucional , de Belém e do Governo,infiltro banqueiros,Salgados e tutti quanti.Estou por todo o lado,infiltro-os e faço deles o que quero.Até Pintos e Bodes já infiltrei.

Anónimo disse...

Pode haver uma explicação biológica para o comportamento enviesado do MP...

"Toda forma de sexo vale a pena, se você é um fungo. Por mais de um século se achou que o fungo da espécie CANDIDA ALBICANS era assexuado. Depois viu-se que ele também fazia sexo. E agora três pesquisadores mostraram que a reprodução sexuada também pode ocorrer entre células do mesmo sexo, uma forma de "homossexualidade", como divulgou a própria revista "Nature", onde o estudo está descrito hoje."

Folha online.br

Anónimo disse...

Mas, o Monteiro vai ser Procurador até aos 100 anos, pois o Dr. Passos e o Prof. Cavaco são frouxos, ou não fossem as versões Abrilescas do Caetano Frouxo e do Cabeça de Melão. A Candida também não se reforma? A Ferreira Leite era a Velha. A Candida é a Madona? Que país de frouxos. Com tanto frouxo, vai haver uma varridela histórica.

Anónimo disse...

http://www.jornaldenegocios.pt/home.php?template=SHOWNEWS_V2&id=549863

KARAMBA!! disse...

O célebre vidente professor Marcelo Karamba!! acabou de ser internado na ala dos "enraivecidos" do Hospital Júlio de Matos após tentar estrangular um cliente com um avental espumando pela boca.De acordo com a PSP a tentativa de homícidio ocorreu após o cliente lhe ter perguntado o que deveria fazer para se sentir Seguro.De acordo com o corpo clínico do Hospital a situação do professor Karamba !! poderia ser irreversível.O SEF estuda a possibilidade da sua expulsão para Moçambique.

Anónimo disse...

O Seguro saiu-se à leão, e afinal murchou-se. Quem será o próximo? Só pode ser o Clone. Seria o melhor prémio que Portugal teria. Portugal teria o futuro PM mais desejado, para vir a ser um Estado da República Federativa do Brasil.

SAINTE ANNE ME AJUDE disse...

Segundo o SEF o professor Karamba !! pediu para ser internado no Hôpital Psiquiatrique
Sainte Anne,em Paris.Requereu tratamento filosófico.

Anónimo disse...

A cleptocracia avança. Antes que acabe o dinheiro para pagar as multi-pensões ao Dr. Soares e ao Prof. Cavaco.

http://dinheirodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=13&id_news=178357

Andorra: Emigrantes notificados para pagar milhares de euros de IMI

Emigrantes em Andorra estão a ser notificados para pagar milhares de euros de imposto sobre imóveis em Portugal, denunciou hoje o conselheiro da comunidade, responsabilizando o Estado português por continuar a considerar Andorra um paraíso fiscal.
«Estão a chegar as cartas do IMI e pessoas que pagavam 100 ou 200 euros estão a ser notificados para pagar quatro, cinco, seis mil euros. Hoje apareceu um senhor que tem que pagar nove mil euros», disse à agência Lusa, por telefone, José Manuel Silva, conselheiro da comunidade portuguesa de Andorra.

Segundo o conselheiro, esta situação resulta do facto de estar a ser aplicada aos emigrantes uma taxa de Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) muito superior por estes terem domicílio fiscal num território com um regime de fiscal mais favorável (paraíso fiscal).

Diário Digital / Lusa

Anónimo disse...

http://www.jornaldenegocios.pt/home.php?template=SHOWNEWS_V2&id=549441

Mário Soares reagiu mal à ideia do corte definitivo do 13.º mês aos funcionários do sector público e aos pensionistas. E qualificou-a de "asneira". A sua contestação faz sentido?
Mário Soares reagiu mal à ideia do corte definitivo do 13.º mês aos funcionários do sector público e aos pensionistas. E qualificou-a de "asneira". A sua contestação faz sentido?

Não. Porque o Estado não tem dinheiro. E não ter dinheiro é mesmo isso: Não Ter Dinheiro. Por isso pede dinheiro emprestado: para cobrir a diferença entre receitas e despesas (o diferencial era, em 2011, de oito pontos percentuais). Até Abril de 2011, o Estado pedia aos mercados. Quando estes começaram a duvidar da nossa capacidade para devolver o que emprestaram, travaram a fundo. Aí fomos bater à porta da troika. Mas a troika só aceitou emprestar mediante o cumprimento de um receituário que garante a devolução do que empresta. Ora isso implica que o Estado passe a gastar muito menos do que até agora.

Quando a troika diz que podemos ter de abdicar definitivamente do subsídio de Natal, está a dizer que duvida da nossa capacidade para gastar menos. E tem boas razões para isso: não recorremos ao FMI três vezes em 37 anos (duas vezes com o dr. Soares)? E em dez anos não falsificámos quatro vezes o défice orçamental, recorrendo a fundos de pensões (CTT, CGD, PT e banca)?

É surpreendente que alguém com o intelecto de Soares não perceba como o mundo mudou de 1983 para 2012.

Anónimo disse...

Caro Professor:

Sentidas condolências pelo seu amigo.

Fraternalmente, deixe-me dizer-lhe que, os que que ficamos, devemos estar preparados não apenas para uma Via Sacra - mas para a descida aos infernos.

Anónimo disse...

A propósito de "descida aos Infernos", como é que o Soares vai explicar aos Tugas, seus admiradores, que Portugal é um país inviável? Por enquanto, vai dizendo que a culpa é da Merkel. A partir de Maio, irá dizer que a culpa é do Hollande? Terá Soares a sorte do Grande Arquitecto o levar para bem longe e de forma definitiva? Ou acabará em Paris, em Monmartre?

Anónimo disse...

Islândia defende investigação ao Governo português

O membro do Banco Central da Islândia Gylfi Zoega diz que Portugal deve investigar quem está na origem do elevado endividamento do Estado e dos bancos.

"Temos de ir aos incentivos. Quem ganhou com isto? No meu País eu sei quem puxou os cordelinhos, porque o fizeram e o que fizeram, e Portugal precisa de fazer o mesmo. De analisar porque alguém teve esse incentivo, no Governo e nos bancos, para pedirem tanto emprestado e como se pode solucionar esse problema no futuro", diz o responsável.

http://economico.sapo.pt/noticias/islandia-defende-investigacao-ao-governo-portugues_117513.html

Anónimo disse...

Coitado do islandês que por aqui passou.
O pobre diabo imagina que o tuga tem cérebro.
O rebanho eleitoral é apenas reserva de caça para os lobos.
A Cândida,a Moragada,o Pinto,o Bode,etc,estão todos a fazer cócó para ele e para todos nós.
Estão ao serviço da Cosa Nostra.

Comparando,por mal que seja,Portugal a uma empresa vulgar,imagine-se os administradores a viver luxuosamente,os trabalhadores a verem o salário reduzido,a empressa a abrir falência.
Os acccionistas iam ficar calmamente a assistir,em silêncio.
Ehehe.
Desde que substituiram os portugueses por tugas,isto ficou condenado.

Anónimo disse...

Este livro é, em certo sentido, desmoralizador. Confirma o que se sabia: que a esquerda perdoa o terror, desde que cometido em seu nome. Que a esquerda é capaz de tudo, da tortura e do assassinato, desde que ao serviço do seu poder. Que a direita perdoa tudo, desde que ganhe alguma coisa com isso. Que a direita esquece tudo, desde que os negócios floresçam. A esquerda e a direita portuguesas têm, em Angola, o seu retrato. Os portugueses, banqueiros e comerciantes, ministros e gestores, comunistas e democratas, correm hoje a Angola, onde aliás se cruzam com a melhor sociedade americana, chinesa ou francesa.

http://elucubrativo.blogspot.pt/

Anónimo disse...

Vejam o que a direita está a fazer no poder! Congelam reformas antecipadas em segredo, retiram direitos básicos a quem trabalha na função pública ou nas empresas privadas. Destróem famílias com o desemprego ou com a mobilidade geográfica, mas os senhores ainda os apoiam. A culpa será sempre dos socialistas? É por causa deles que se torna a vida das famílias e dos trabalhadores num inferno.
Vão ver...

Anónimo disse...

Vai já pedir ajuda ao milionário de Paris para te dar uns trocos.O dinheiro não se sabe donde vem mas que o gajo é podre de rico e vive à tripa forra é verdade.Leva o teu porco contigo porque o porcalhão gosta de porcos e talvez consigas mais umas massas.Se ofereceres uma caixa de brioches também ajuda.E leva a tomatada bem congelada senão o gajo chama-lhes um figo.

Anónimo disse...

A culpa é do maior vendilhão da Pátria portuguesa, e dizem que tem uma Fundação em frente à AR.

http://economico.sapo.pt/noticias/o-despesismo-do-estado-e-das-empresas-publicas-continua_142224.html

Mário Soares acusa o Governo de continuar a engordar “as gorduras do Estado”.

O antigo presidente da República escreve hoje no seu habitual artigo de opinião no Diário de Notícias que "o despesismo do Estado e das empresas públicas continua". E acusa mesmo o Governo de continuar a engordar o Estado. "Note--se que o PSD teve como tema da última campanha cortar "nas gorduras do Estado". Ora parece, paradoxalmente, até ter vindo a engordar...", assim, escreve Mário Soares "não admira que o descontentamento aumente e o Governo perca credibilidade".

"Dos grandes "buracos" fala-se pouco e dos casos escandalosos também não. Os responsáveis estão impunes. Tudo continua por esclarecer... Para onde tem ido o dinheiro que o Estado já recebeu? Não se sabe", sublinha o histórico socialista.

No mesmo artigo de opinião Mário Soares aponta o dedo a vários erros cometidos pelo Governo português em quase um ano de mandato. "Seja como for, o Governo, um ano após a sua constituição, cometeu, desde o início, erros graves: o primeiro foi autoproclamar-se "discípulo exemplar" da chanceler Merkel; e o segundo, foi o Governo não só se mostrar subserviente à troika, como mesmo dizer que em relação aos cortes propostos a queria ultrapassar. Para quê? Acresce que, como foi avisado, a austeridade, por si só, não leva a parte alguma. Que não seja: mais recessão, mais desemprego e maior destruição do Estado Social".

Anónimo disse...

Soares está a pedir chuva. E da grossa. Craxi morreu canceroso em Tunis. Soares vai morrer longe, antes que o síndroma da Rainha Maria Antonieta se dê em frente à Assemblei da República.

Por que no te callas, Soares, o Padrasto de Portugal?

Anónimo disse...

Sempre foi incontinente. Sempre foi o amigo de Carlucci, de Kissinger, de Maxwell. Um verdadeiro vira-casacas. Muito português vivo conhece-o bem, e tem-o debaixo de olho. Até o Zé Eduardo de Angola o tem na mira, depois dos diamantes de sangue do Savimbi, e do avião carregado de marfim do Joãozinho na selva de Angola ter caído.

Anónimo disse...

Soares tem saudades das malas com dinheiro do jogo de Macau,das Melancias do aeroporto.
Soares foi tão longe na arte do gamanço que os Estados que pretendiam ajudar Portugal deixaram de enviar dinheiro,sabiam onde ele acabaria.
Agora pergunta onde está o dinheiro?!
Deve estar na conta dele,do Sócrates e de muitod outros crápulas.
Em todo o caso,fale com o Pinto e a Cândida,eles devem saber explicar porque não querem investigar.

O subsidiodepende que acima se queixa da direita,vá pedir para a porta da Fundação.
Andou a votar no Vigarista e agora não quer pagar a factura?
Pensava que o dinheiro vinha de um filão inesgotável.
It's paytime.boy!
Vende o porco que há em ti e livra-te desse socialismo corrupto.

Anónimo disse...

http://prixviagragenerique50mg.net/ viagra prix
http://prezzoviagraitalia.net/ acquistare viagra
http://precioviagraespana.net/ viagra