quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Quem o seu inimigo poupa, nas mãos lhe morre

Três perguntas em voz alta sobre o caso da apreensão pela ASAE, entre 12 e 14 de janeiro de 2012, à moda do hermano Hugo Chávez, de cerca de 400 mil litros de leite no Pingo Doce e no Continente:
  1. Num país dominado pelo socratismo - sete meses depois de eleições que o PS perdeu!... -, como se pode querer que os empresários, como Alexandre Soares dos Santos, da Jerónimo Martins , resistam à deslocalização para o estrangeiro , neste caso da sede dos seus investimentos, provadamente sujeitos às tropelias socialisto-maçónicas da ASAE (Autoridade de Segurança Alimentar e Económica), capitaneada por António Nunes, ex-diretor-geral de Viação?
  2. Substitui-se a ASAE, do socialista-universalista António Nunes, armado em protetor dos agricultores que o socratismo desprezou, aos tribunais na análise de um caso complexo como é a imputação de dumping, ainda por cima contra alguém que o socratismo dos «truques» detesta?
  3. Se o leite não estava estragado, pretende a ASAE, de António Nunes, esmagar os consumidores portugueses, empobrecidos pelas políticas socratinas, que aproveitam estas promoções do leite, do arroz e de outros produtos básicos?
Compreendo a contestação dos produtores de leite à concorrência externa, nomeadamente leite polaco, que não é de agora, pois o leite galego a mais baixo custo há anos que é vendido nas cadeias comerciais portuguesas, , que lhes degrada os preços - e também o desagrado das empresas portuguesas de laticínios. Mas as táticas de promoção de loss leader, como a oferta pelo Pingo Doce de uma embalagem de leite meio gordo de marca própria na compra de outra ou, no caso do Continente, descontos acumuláveis no cartão de crédito da loja, são processos de marketing comuns para atracção de consumidores. Os consumidores não compram apenas um produto, mas um cabaz e a perda relativa (se for...) num produto é mais do que compensada pela margem e volume nas compras de outros nessa visita à loja. Por outro lado, na formação do preço, existem parcelas financeiras, de pagamento dilatado, e comerciais (como compensação da empresa produtora em custos de promoção e publicidade) que devem ser analisadas. E nem sempre uma baixa de preço significa dumping, mas uma diminuição da margem de lucro: até há pouco tempo os chocolates After Eight custavam 5 euros no Continente, enquanto o Lidl os pôs à venda por menos de dois euros.-

A mágoa, neste início de Janeiro de 2012, com a passagem da Sociedade Francisco Manuel dos Santos (detentora de 56% da Jerónimo Martins) para a Holanda, deslocalizando a  sua sede - alegadamente, como 19 das 20 empresas cotadas no índice PSI-20, da Bolsa de Lisboa - é parte de um movimento de fuga de capitais para outros países onde têm menos custos e melhor remuneração. Mais grave do que esse movimento de capitais e investimentos é a fuga de pessoas, que vão buscar noutros países as condições que o Estado aqui lhes negou. Mas a saída de capitais e de pessoas - nas quais avultam os 12 por cento de desempregados que o socratismo deixou - para o estrangeiro tem como principal responsável o socratismo. O socratismo arruinou o País e agora, ainda por dentro do Estado e dos organismos direta e indiretamente dele dependentes, continua, na prática, a prejudicar gravemente os esforços do novo governo na reorganização das finanças e na recuperação da economia.

Acredito na interpretação de que esta, e outras orquestrações, pretendem criar o clima de desagrado para o regresso do auto-exilado seletivo - faltoso a tribunal de Lisboa, em dia útil, e almoçarista na capital portuguesa, ao fim de semana - ao Governo do país que arruinou. Não é só na eleição presidencial de 2016 que Sócrates pretende voltar: é o mais cedo possível e ao Governo.

Quem o seu inimigo poupa, nas mãos lhe morre. Ou Passos faz imediatamente a barrela geral do Estado, e das instituições dependentes, ou o socratismo, que corrói a ação do Governo PSD-CDS, volta ao poder mais cedo do que o PSD suave e o CDS neutro pensam.

36 comentários:

Anónimo disse...

Não bastava ter levado ANOS com o (não)engenheiro e sua côrte, agora temos de ouvir este choradinho desculposo da ineficácia e incapacidade dos (falsos)virtuosos que afinal têm para um país um proojecto miserabilista.

DEMITIR TODOS OS SÓCRETINISTAS disse...

Passos não tem de pedir desculpa por demitir Sócretinistas e nomear quem o não é.A ser citicado é por serem tão poucas as demissões quando a presença de Sócretinistas em tudo o que é Estado e Comunicação Social é ainda massiva todos os dias minando,qual térmitas,as tentativas de recuperação de Portugal.Não há recuperação possível sem barrela geral dos Sócretinistas.Até tal acontecer ninguém pode ter esperança e confiança no Estado e no País e foge.Com os pés as pessoas.Com os capitais as empresas. O Estado neo-totalitário Sócretinista tem de ser desmantelado.Até lá nenhum de nós pode estar seguro,pequenas ou grandes empresas também,até o próprio Seguro ou o Proença agora perseguido pela toupeira Sócretina do ISCTE por ter assinado o Acordo de Concertação.Demissão imediata de todos os Sócretinistas para salvar Portugal!

Anónimo disse...

Ó Dr ABC foram os "desgraçados" dos produtores de leite que se queixaram de dumping.
Mas este post vem na sequência de muitos outros em defesa do capitalismo selvagem. Nada de anormal, portanto.
O que seria de admirar, e muito, era o Dr ABc fazer comentários a criticar o ataque aos trabalhadores e/ou a entrega de lugares de administração, cheios de gorduras, aos boys (catrogas) da laranjada.

Anónimo disse...

Mais um fait-divers do Dr ABC para entreter a malta...

Anónimo disse...

Estão lixados e com medo de perderem os tachos comentadores Sócretinos.Este post põe o dedo no tumor que mina Portugal.O Sócretinismo e os Sócretinistas.O Estado corrupto e prepotente criado pelo Sócretinismo que chora lágrimas de Caimão pelos produtores depois de os esmagar e manipula as suas organizações depois de ter levado Portugal à bancarrota e agora está a conspirar para o levar ao caos antes que a Justiça lhes caia em cima.Selvagens são vocês que destruiram Portugal e o entregaram à Troika.

Anónimo disse...

Quando a ASAE socrática atacava os ciganos e os vendedores de bolas de berlim, vocês estavam de bico calado!

Agora, quando a ASAE tenta proteger a produção nacional e a sobrevivência de milhares de lavradores nacionais, vocês vêm defender uma das cadeias de retalho que mais tem explorado o consumidor e liquidado a nossa produção!

Anónimo disse...

Pois é, Soares dos Santos dá emprego a "apenas" cerca de 20.000 portugueses. É das empresas maiores de Portugal. Tem entre os seus accionistas, muitos ingleses, americanos e holandeses.

Soares dos santos não cederá. Portugal precisa de muitos Soares dos Santos.

Portugal não precisa de Vieira da Silva.
Portugal não precisa de Proença de Carvalho.
Portugal não precisa de Basílio Horta.
Portugal não precisa de Alberto Costa.
Portugal não precisa de Manuel Pinho.

Portugal precisa de gente que não se pendura no Estado.

Anónimo disse...

Para o "Anónimo das 16:10": Vai fechar a caixa do hipermercado e deixa-te de tecer loas ao patrão. Ganhas o mesmo.

Anónimo disse...

Um post que elogia a destruição da Lavoura Nacional por uma companhia que especula nos mercados e esmaga com preços irrisórios e importações os nossos produtores.

Os agricultores e os lavradores que há por esse «Portugal Profundo» fora não mereciam tamanha afronta!

RESISTÊNCIA AO SÓCRETINISMO VENCERÁ! disse...

Quem esmagou a produção nacional foi o Sócretinismo com o seu braço armado a AZIA.Agricultores,feirantes,restaurantes,pequenos e grandes comerciantes,tudo o que trabalha em Portugal foi intimidado pela AZIA numa accção terrorista a lembrar as práticas Stalinistas tão caras ao Governo Sócretino.Lembram-se?Agora a mando do Caimão de Paris querem continuar a perseguir impunemente para lançar o País no caos,produtores contra consumidores,distribuidores contra produtores,fazer subir os preços dos produtos essenciais das pobres familías que foram arruinadas pelo Sócretinismo,criar o máximo de agitação social agora que estão desesperados porque o plano subversivo que estavam a executar falhou porque não conseguiram sabotar o Acordo de Concertação Social.Depois a culpa é toda deste Governo e o Salvador não está no Céu mas em Paris.De uma coisa podem ter a certeza Sócretinos.Serão combatidos de todas as maneiras,na rua se necessário.Não escaparão à cadeia.

Anónimo disse...

Há aqui muito general Alcazar!

O Sócrates vai voltar e vai pôr o país na ordem e pô-lo a marchar a passo de ganso!

Heil Sócrates!

Anónimo disse...

Tem razão o anónimo das 16:10.
O país não precisa de nenhum dos tipos que referiu.
O país precisa sim é de gente como:
Oliveira e Costa
Duarte Lima
Isaltino
Dias Loureiro
Catrogas
Cardonas
Paulo Pintos

etc..

Portugal precisa desta gente que não se pendura nas gorduras do Estado.

Anónimo disse...

Vamos lá a fazer listas de todos os que estão a mais.Concordo com todos os listados e acrescento:-4 Pintos,1 Cândida,1 Magalhães,1 Lully,1 Almeida,1 Ribeiro,1 Gago,1 Rodrigues,2 P.,1 SS,2 Costas,1 Ferro de Engomar, mais algumas duzias de lambe-botas.

QUEM SE METE COM O CALALHO LEVA disse...

O DOUTOL CALALHO ESTÁ DESESPELADO.OS SÓCLLETINOS NÃO LHE PELDOAM NÃO TEL CONSEGUIDO LANÇAL POLTUGAL NO CAOS . COMO NÃO CONSEGUEM COM POLTUGAL JÁ LHE DELAM OLDENS PALA PELO MENOS CONSEGUIL APEAL O PLOENÇA.SENÃO VAI SEL CASTIGADO.NUNCA SELÁ CATEDLÁTICO DO ISCTE.

Karocha disse...

Caro Prof. ABC
Já votei!

Anónimo disse...

«...país dominado pelo socratismo - sete meses depois de eleições que o PS perdeu!...»

O dr. ABC continua a mandar recados para nada e ninguém. O "socratismo", fora as idiossincrasias do javardo José de Sousa existia antes do "animal feroz" e continua a ser o que sempre foi, desde que o socialismo foi "metido na gaveta" em 76 e o seu PSD se tornou apenas a direita do PS.

Não há, portanto, "inimigos", senão apenas bocas temporariamente afastadas do descarnado osso. No fundo, são todos mais ou menos "irmãos"...

Anónimo disse...

Olha a filha da rainha hehehhehehe

Anónimo disse...

Não sei se a senhora é filha da rainha.Mas sei de quem tu és filho.
Os sócretinos,além de impostores são rasteiros.Falta-lhes a educação.

Anónimo disse...

A Igreja Anti-Socrática dos Últimos Dias, para manter os seus fiéis de plantão, vai lançado patacoadas contra o Engº Pinto de Sousa, um respeitável cidadão português, convidado de honra na culta França!

É só tiros pró ar para desviar a atenção da tugalhada tosca das grandes roubalheiras que neste momento a nomenklatura e o politburo de Lisboa estão a fazer!

Aqui, no Norte, até querem levar mais coisas para Lisboa!

E os tansos do Rui Rio e do Filipe Menezes passam o dia a mandar bitaites nas televisões.

Estamos entregues aos kmers laranjas!

Fujam enquanto as fronteiras estão abertas!

Anónimo disse...

É só a prima donna do Bois de Boulogne.Quando abre a boca não querem outra coisa

Anónimo disse...

O Monteiro Incapaz está precisar de ser metido na ordem.E vai ser!

Anónimo disse...

O Monteiro, ao contrário do que vocês todos esperavam, não vai «reformar-se» aos 70.

Vai estar no lugar, «firme e hirto como uma barra de ferro».

Vocês é que vão para a hemodiálise como preconiza a MFL!

Anónimo disse...

Sócretino,se te referes às patranhas que os teus sócios dizem sobre MFL e a hemodiálise,bem que podes meter a conversa por um certo sítio acima!
Vocês são asquerosos.Defendem um marginal que roubou e destruiu o país por muitos anos,deixando milhões na miséria.Em contraponto tentam denegrir quem é sério,procurando mancha e desvirtuar o que se diz.
MFL disse que a partir de uma certa idade,quem precisasse e pudesse pagar,devia fazê-lo.Seria uma forma de aliviar a despesa com o SNS.
O Resto foi um verme socialista que escrevinha aldrabices no Público belmiresco,que para se fazer notar,recorreu à desonestidade.Típico dos ratos.
E há algo que deve ser lembrado e nunca esquecido,o PS acabou com o SNS tal como o tínhamos,ao conduzir o país à bancarrota.

Anónimo disse...

Os seguidores do maior delinquente das últimas décadas, estão sós. Sentem-se desalentados pela falta do Querido Líder. O Querido Líder fugiu. Desertou. Exilou-se. O que fará o Querido Líder quando já ninguem se lembrar dele? Nós clamaremos até que a a escrita nos doa, que foi o estudante profissional de Paris que VENDEU PORTUGAL à Tróika. Depois, com MEDO, exilou-se.

skeptikos disse...

Lamentável é que a ASAE não investigue isto: http://ecotretas.blogspot.com/2012/01/republica-da-impunidade.html

Conselho disse...

Ó ABC, quanto é que te pagam pelos ferrinhos? Deixa lá o Pinóquio em paz, pá! Extensões já tem ele de sobra! Olha lá, por que não vais dar aulas aos teus alunos, ahn? Matéria. Apoio. Companhia.
Paz. Pão. Educação. Saúde.
Compreensão pelos mais atrasados.
Mas eu compreendo... É a dor. Também gostava de estar em Paris a estudar filoporcaria do que a apanhar laranjas.

O MAIS INDIGNO disse...

HÁ UNS QUE SE REFORMAM.HÁ OUTROS QUE TÊM DE SER REFORMADOS Â FORÇA.

GIBIER DE POTENCE disse...

Há ainda os que resistem e desafiam e têm de ser reformados com um valente pontapé no cu.É o caso do parapluie do filusufu.

Anónimo disse...

Este blogue devia mudar de nome.

De «Portugal Profundo», e que de português não tem nada, devia chamar-se «SÓCRATES AO FUNDO».

Anónimo disse...

Enterrado no fundo do chiqueiro já está.Cabe agora a todos os Democratas e Patriotas não o deixar voltar à superfície.

Anónimo disse...

Sócrates é mais espero do que vocês todos, ó ratazanas de esgoto!

Anónimo disse...

Lindo, mas será que depois disto tudo ainda não descobriram quem está a "comandar" esta escória de corruptos que dizem "governar"?

Acorda povo embrutecido . . .

Karocha disse...

O povo não acorda caro anónimo.
Fado, futebol e,Fátima.

Ferreira, Luís Manuel Silva disse...

Se a ASAE queria fazer justiça, apreendendo o leite, então que pelo menos o desse a instituições de solidariedade social ou de caridade para ajudar a matar a fome a quem a tem.
Realmente, pode ser mau o vender a baixo custo, mas com o povo empobrecido pelas medidad socratinas e agora coelinhas que vai matar tudo à fome não há que apreender leitre ou outros alimentos a não ser estragados e se se aprenderem há que os distribuir.
Ou já agora podem oferecer algum desse leite ou outros produtos ao sr. Presidente, Cavaco Silva que diz não é por isso que não se ganhar para as despesas ou a Eduardo Catroga que, ganha pouco à custa dos consumidores de eletricidade.
A mim, o que mais me custa é as injustiças, uns, da elite com tudo e a maioria com pouco ou sem nada.
Esses "gordos" que enriquecem à custa da exploração não se compadecem de ninguémesquecendo que a injustiça do uns terem e quererem tudo e outros passarem fome branda aos céus e Deus ouve a voz dos famintos e dos sofredores.
É por isso que eu abomino gente elitista, sejam socratinos, maçónicos, do PSD, CDS, BE fascistas ou comunistas, todos temos direito à dignidade, mas e disso que muita gente se esquece, incluindo os nossos governos.

Anónimo disse...

Em qualquer país da Europa Ocidental as regras das concorrência são fundamentais...
Quem prevarica , sejam eles do Porto, de Lisboa ou de outro sitio qualquer, devem ser penalizados.
Gostaria de ver como é que alguns dos nossos "empresários" se comportariam na europa...
O do Pingo Doce , por exemplo , na Polónia já tem tantos processos que mais parece uma edição de luxo dos Lusiadas...pensava que estava em Portugal...

M.A. Pereira disse...

A ASAE, substitui em democracia uma policia politica, por isso mesmo é sem nenhum grau de surpresa que se ouviu falar há algum tempo atrás, na denominada era socratista da intenção do executivo socialista colocar o Sr. António nunes á frente dos designios do SIS, afinal uma coisa ele já tinha exsperiência para desempenhar o cargo. Quando alguém pensou em terminar com Inspeção Geral das Atividades Económicas, assim como outras instituições afins, e transformá-las na ASAE, foi apenas com o único intuito de criar mais JOBS FOR THE BOYS, havia que dar lugar a um bando de recem-licenciados que precisavam de entrar no mercado de trabalho, e agora passou-se a assistir a uma fiscalização de um antigo agente e um "doutor", continuam a aparecer em duo nas ações de fiscalização normal, só que agora já nao aparecem as 2 figuras anteriores dos 2 agentes, mas sim estas outras. Quanto áquelas ações em feiras e mercados que mais parecem encenações de Bolywood Indiano, com operadores de camera de estações de televisão, não servem rigorosamente para nada, a não ser para elevar o ego de dirigentes deste organismo, como é o caso do seu presidente, que antes de uma ação convoca estações de televisão. Mas no fundo e invocando a utlidade marginal desta organização todos nos poderemos questionar, qual foi a diferença de atuação e a mais valia que trouxe á sociedade, e ao tecido empresarial ? Causar o receio entre os comerciantes que se por um qualquer motivo baixaram demasiado o preço de um produto, ou no seu estabelecimento tinham papéis no chão aquando da visita? Apenas posso enumerar estas pseudo-vantagens porque mais nada de utilidade me vem á memória, porque o crime, crime a sério que põe em causa a sustentabilidade e o desenvolvimento do setor, esse continua a existir. Bem melhor seria que o novo governo pegasse nesses "doutores" e funcionários e os pusesse a investigar os crimes de colarinho branco, e aí até dava jeito levar as cameras de televisão atrás.